Variedades

Homens são caçadores

Por Ruiz

Depois de um longo e tenebroso inverno, estamos aqui iniciando a primavera! Fiquei longe um tempo resolvendo umas questões pessoais, mas já estou de volta.

Lá vou eu fazer mais uma comparação masculina com os documentários do Discovery Channel… poderia falar sobre evolução, razão e até mesmo fundamentos religiosos pra justificar que um é muito parecido com o outro. Enfim, quero chegar no ponto que o comportamento humano não difere muito do que observamos nos animais. E, respondendo a pergunta da leitora Ellen Cristina, por que os homens muitas vezes investem em uma mulher, mesmo sabendo que é compromissada, casada, enrolada, etc?

Simples essa explicação!

Os homens são caçadores. Caçadores natos. E a razão da nossa existência é suprirmos aos nossos instintos mais ocultos, que a razão dos homens acaba sempre tentando esconder. (Aliás, essas questões sobre ‘existência’, ‘propósito’ e ‘objetivo’ têm me incomodado bastante… tenho lido muito a respeito!)

Aí eu consigo ver nos homens (do sexo masculino), o mesmo que vemos nos documentários da TV. Saem para caçar… E caçar é sempre algo muito presente em nossas vidas, por menos que a gente perceba. Caçamos oportunidades, o melhor lugar no ônibus, a melhor fruta no supermercado, a melhor oportunidade de emprego, e – por que não? – a ‘melhor’ mulher que nos rodeia.

O conceito de ‘melhor’ é muito individual, e também varia de acordo com a ocasião. Entretanto, além da caçada, o que move o homem é o desafio. Se não estivesse em nossas almas o desafio, provavelmente estaríamos morando nas cavernas e nos comunicando com grunhidos.  Junte o secular espírito caçador e a necessidade intrínseca por desafios. O que temos? Bem, talvez já saiba a resposta. Alguns homens realmente investem em mulheres que não estão disponíveis. Caça, desafio… superação, auto-afirmação…

Tenho um amigo que diz que ele não se mantém em relacionamentos (e é verdade!). Mas vive cantando a mulherada e tem a fama de ‘não perder viagem’. E é só. Algumas dizem que ele é psicopata, outras, que é galinha. Eu penso que é o tal ‘Nômade Caçador’, que sozinho investe em satisfazer a sua necessidade de desafios. E não há absolutamente nada de errado nisso. As mulheres sabem disso e, no fundo, gostam de ser galanteadas pelo cidadão – pois acabam até sendo percebidas pelas outras meninas, como a garota que foi cantada pelo fulano.

Veja também:  Você conhece o aplicativo CORA?

Há também os que ‘caçadores em grupo’. Esses são os mais comuns. Caras que quando estão em bando, saem mexendo com todas… tipicamente aqueles que buzinam para as moças quando estão em turma no carro, ou abordam todas na balada quando estão na roda de amigos. Experimente deixar esse caçador sozinho! Ele provavelmente nem terá coragem de olhar para o rosto de alguém.

E o alvo é sempre o que é mais desafiador… E acho que uma mulher indisponível é um belo desafio, não? É assim que eu explicaria o ‘investimento em ativos privativos’! Acho que essa metáfora explica um pouco do íntimo de nós homens.

Obrigado pelas dicas de posts. É pra isso mesmo que eu estou aqui! Sintam-se à vontade para me contatar por e-mail [email protected]. Enviem suas sugestões de post, dicas, elogios, críticas e até puxões de orelha são válidos, ok?

Beijos,
Ruiz

Paulista, 42 anos, formada em Tecnologia, otimista. Adoro falar sobre moda, beleza e, mais recentemente, sobre maternidade. Aqui escrevo sobre tudo que gosto, espero que gostem também!

5 Comentários

  • Shirley Mello

    Oi Ruiz,

    Quando li o post, vieram alguns amigos à mente que sempre diziam que tudo que era mais perigoso, era mais excitante, e tudo que era mais difícil e secreto, era mais emocionante.
    De certa forma, eles podem ter razão, pois acho q é nato do ser humano se sentir satisfeito quando conquista algo, e se o processo foi difícil, a conquista é mais saborosa.
    Mas eu não sei se ficaria com uma cara movido a conquistas, pois uma vez que “já caçou a sua presa”, quanto tempo o sabor duraria? Será que até o próximo desafio?
    Uma coisa é uma conquista difícil, outra, é ser conquistador.

    Bjs…

  • Camila F.

    É verdade, os homens podem ser bem caçadores. Eu confesso que encaro a situação de maneira oposta: para mim uma pessoa indisponível não representa um desafio e sim uma total impossibilidade de envolvimento. Prefiro nem me aproximar!

    🙂

  • Ellen

    Ruiz….pensei que havia esquecido de nós…..
    Adorei a resposta….pow fui caçada rss….concordo que a situação de uma certa maneira faz bem ao ego, mas também se estivermos na fase “carente” ( brigas com o namorado ) pode se tornar um grande problema, o meu consegui contornar e somos amigos.
    Enviarei mais dúvidas, pois da maneira como colocou adorei!
    Bjs.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *